You are currently browsing the category archive for the ‘Livros’ category.

CapturarO primeiro capítulo, intitulado Aproximações entre História da Ciência, Ensino de Ciências e Educação Ambiental, escrito pelo autor Valdir Lamim-Guedes, apresenta uma compreensão mais complexa do que é a Ciência, de sua História e de sua relação com o Ensino de Ciências e a Educação Ambiental, envolvendo especificamente os estudos sociais da Ciência. A proposta do autor é compreender a Ciência para questionar o uso e as informações científicas de modo que essa compreensão possa contribuir para uma educação científica e ambiental mais contextualizada e significativa. Apesar do referido estudo não apresentar discussões acerca da formação de professores (seja inicial ou continuada), o autor enseja que as informações apresentadas contribuam para a atuação docente e para um ensino mais relevante para os alunos, pois apresenta uma visão mais contextualizada e real da Ciência, como um produto da ação intelectual humana, dinâmico e passível de erros e questionamentos (Trecho da apresentação dos Organizadores).

LAMIM-GUEDES, V. Aproximações entre História da Ciência, Ensino de Ciências e Educação Ambiental. In: SOUSA, T. L.; SOUSA, J. M. (Orgs.). Ensino de ciências: perspectivas atuais. 1ed.Rio de Janeiro: Dictio Brasil, 2017, v. 1, p. 20-47.

Acesse o livro através do link https://drive.google.com/open?id=0B4uYprBdP-V8QUhQd0ItUUpwblk

Incluindo o capítulo Saberes docentes e Educação Ambiental Escolar: Desafios para atuação e formação docentes.

Resumo: Este texto está baseado em uma perspectiva interdisciplinar que busca um diálogo entre dois campos: campo ambiental, mais especificamente a educação ambiental, e os saberes docentes. Com isto, buscamos tratar da atuação e saberes docentes relacionados à temáticas socioambientais na educação básica. Os desafios da prática pedagógica surgem como forma de compreensão do trabalho do professor, assim como permitem a reflexão e autoformação dos educadores enquanto educam. A partir deste texto, esperamos elucidar alguns dos saberes necessários à uma ação pedagógica mais significativa, contextualizada, crítica e que favorece a autonomia, seja dos próprios educadores, quanto dos alunos, sendo estes saberes alvo de sua busca pessoal em uma formação continua.

LAMIM-GUEDES, V.. Saberes docentes e Educação Ambiental Escolar: Desafios para atuação e formação docentes. In: MELO, E. S. N.; MORAIS, E. M.; SANTOS, C. R.. (Org.). Interdisciplinaridade e Ensino: saberes docentes, desafios da prática. 1ed. Rio de Janeiro: Dictio Brasil, 2017, v. , p. 192-228.

Capa ebook1

Este livro nos apresenta de forma original um conjunto de artigos que aborda o tema da educação ambiental nas escolas num contexto em que se debatem mudanças que se coloca em questão o desenho curricular e os potencias riscos que pode promover na formação dos estudantes. O livro mostra a relevância de trazer à tona questões que permeiam o conflito interdisciplinaridade e disciplinarização apresentando a importância da participação de todos os atores que possuam interface com o debate, defendendo a transversalidade da temática ambiental (Trecho do Prefácio do Profº. Drº. Pedro Roberto Jacobi – USP).

A concepção deste livro surgiu após a proposição do Projeto de Lei do Senado (PLS) 221/2015 de autoria do Senador Cássio Cunha Lima. Este PLS trata de uma questão há muito discutida no campo da educação ambiental (EA): devemos transformá-la em disciplina ou trabalhar de modo transversal seus temas? Além disso, propõe alterações na Lei nº 9.795/99 que institui a Política Nacional de Educação Ambiental, sugerindo a inclusão de um novo objetivo para a EA.

Esta obra é um primeiro passo no qual buscamos analisar o embate entre diferentes visões sobre a Educação Ambiental Escolar, de forma que nos posicionamos a favor da transversalidade da questão socioambiental e contra a disciplinarização da EA.

O livro é composto por 13 capítulos e 2 anexos de alunos da Pós-graduação em Educação Ambiental para Sustentabilidade do Centro Universitário Senac-Santo Amaro (São Paulo-SP) e autores convidados. O arquivo PDF do livro está disponível para download a partir do link Baixe o ebook.

Referência: LAMIM-GUEDES, V.; MONTEIRO, R. A. A. Educação Ambiental na Educação Básica: Entre a disciplinarização e a transversalidade da temática socioambiental. 1. ed. São Paulo-SP: Perse, 2017. 105p.

Capturar

[Jornal da CiênciaRedPOP, Latu e Unesco acabam de publicar uma análise comparativa de políticas públicas em 14 países da América Latina destinadas a desenvolver a cultura científica dos cidadãos

A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura do Escritório Regional de Ciência da Unesco para a América Latina e Caribe, a Rede de Popularização da Ciência e Tecnologia na América Latina e Caribe (RedPOP) e Latu acabam de publicar uma análise comparativa de políticas públicas na América Latina destinadas a desenvolver a cultura científica dos cidadãos.

A publicação “Políticas públicas e instrumentos para o desenvolvimento da cultura científica na América Latina” reúne uma análise de políticas em divulgação científica de 14 países da América Latina. O documento é dividido em duas partes: a primeira é um panorama geral da cultura científica na América Latina, e a segunda apresenta o perfil detalhado de cada país analisado.

A publicação foi realizada por Ernesto Fernández Poulcuch, chefe da sessão Política Científica e Colaborações da Unesco; Alessandro Bello, consultor do Programa de Política Científica e Fortalecimento de Capacidades, do escritório regional de Ciência da Unesco para a América Latina e do Caribe; e Luisa Massarani, diretora executiva da RedPop e pesquisadora do Museu da Vida, Casa de Oswaldo Cruz, no Rio de Janeiro, Brasil.

A publicação está disponível gratuitamente no site: http://bit.ly/1TuIddz

Divulgação

Reprodução da capa da obra

Site da Unicamp 03/03/2016 – 15:57
Os olhares de quatro jornalistas e um biólogo sobre a cidade, relatados no Blog Vi(ver) n_a cidade, são apresentados, agora, no livro homônimo (impresso e e-book) que acaba de ser lançado pela editora Perse.

O blog, cujas postagens integraram a publicação, é resultado do trabalho final da disciplina Multimeios do curso de pós-graduação lato sensu em jornalismo científico do Laboratório de Estudos Avançados em Jornalismo (LabJor) da Unicamp. A disciplina Multimeios foi ministrada no primeiro semestre de 2014 pelos professores Susana Dias e Paulo César Telles.

Descobrindo novas formas de divulgar ciência e arte, os autores Fernanda Domiciano, Janaína Quitério, Juliana Passos, Kátia Kishi e Valdir Lamim-Guedes lançaram postagens diárias sobre pichação, grafite, teatro de rua, música e intervenções em grandes eventos, como o carnaval e a copa do mundo. Usando fotos, vídeos e textos, o objetivo, segundo os autores, foi discutir a importância da ocupação dos espaços públicos e suas implicações na sociedade atual.

O linguista Alexandre Marcelo Bueno, pesquisador da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), escreve na apresentação da obra que as ruas brasileiras, “amplamente reconhecidas como um mero espaço de passagem, refletem, de alguma forma, a pobreza com o qual vivenciamos o espaço público, em oposição direta ao que observamos e experimentamos em outros países.” De acordo com ele, o livro faz parte de um “movimento de resistência a um modelo privado do espaço público”. Vi(ver) n_a cidade pode ser baixado gratuitamente no formato PDF no site da editora.

Capa

Foi publicado a copilação de posts do blog (Vi)ver n_a Cidade nos formatos pdf e impresso.

SILVA, F. D. ; QUITÉRIO, J. ; ALVES, J. P. ; KISHI, K. H. S. ; LAMIM-GUEDES, V. . (Vi)ver n_a Cidade: Ocupações de Espaços Urbanos. 1. ed. São Paulo: PerSe, 2016. v. 1. 162p .

Sinopse: Ocupar a cidade com intervenções tem sido o trabalho rotineiro de muitos artistas e anônimos. No fundo, o que eles e nós queremos é viver os espaços públicos, tomar o que é nosso, ocupar as ruas, transformar os muros, germinar bueiros, compartilhar o trânsito e (por que não?) fomentar todas essas ocupações pela e na internet – labirinto de ruas virtuais -, materializado na criação deste blog, que pretende mostrar perspectivas da arte, intervenções, comunicação e até mesmo dos grandes eventos, como Carnaval e Copa do Mundo, que também são formas de ocupação, de movimentos, de vibrações, de vida. Por meio do uso de fotos, vídeos e textos, pretendemos discutir a importância da ocupação dos espaços públicos, de que forma ela tem ocorrido, suas implicações na sociedade atual, as dificuldades encontradas pelas pessoas e artistas para essa ocupação e como os movimentos sociais têm se organizado para realizá-las e incentivá-las.

Leia mais sobre a obra: Livro de ex-alunos do Labjor discute a importância da ocupação dos espaços públicos

Para fazer o download do pdf gratuitamente acesse o link e para adquirir um exemplar impresso acesse aqui.

12390838_1154826564545131_7174986528091686196_n.jpg

Link para Download: goo.gl/lfOjp3

Bookmark and Share

Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 3.595 outros seguidores

Categorias

E-mail

dirguedes@yahoo.com.br

Mensagens recentes no Twitter

Current CO2 level in the atmosphere

População Mundial

Já somos 7 bilhões! Clique na figura e veja a população atual.

%d blogueiros gostam disto: