You are currently browsing the category archive for the ‘Florestas’ category.

capa

Resumo. Pagamentos por Serviços Ambientais (PSA) são incentivos, financeiros ou não, para a conservação ambiental e a manutenção dos serviços ecossistêmicos. As iniciativas de PSA têm como princípio uma transição voluntária na qual um serviço ambiental, como a produção de água ou o desmatamento evitado, é adquirido de um provedor deste serviço condicionado ao compromisso da manutenção no oferecimento deste. Neste texto são apresentados três casos brasileiros de PSA: recursos hídricos, desmatamento evitado e a minimização dos conflitos entre proprietários rurais e grandes carnívoros. Estes três estudos de caso demonstram que a heterogeneidade é uma característica em relação aos PSA devido a algumas particularidades: diversidade de serviços ambientais, variedade de arranjos institucionais envolvidos nesses projetos e de fontes de financiamento. A conclusão geral é de que, apesar dos desafios e problemas enfrentados, é inegável o potencial dos PSA como mecanismos de geração de renda e estímulos a conservação ambiental.

Palavras-chave: Incentivos Fiscais e Financeiros; Desmatamento; Degradação Ambiental; Recursos Hídricos; Conflitos Socioambientais.

LAMIM-GUEDES, V.; FERREIRA, L. ; CARVALHO, P. P. P. ; CAMARGO, P. L. T. . Pagamento por serviços ambientais como instrumento para políticas públicas de conservação ambiental. INTERFACEHS, v. 12, p. 2-17, 2017.

Acesse o texto completo

Anúncios

No começo do dia 29/fevereiro no Brasil, o autor norte-americano Leonardo DiCaprio ganhou o Oscar de melhor autor. Em seu discurso, surpreendeu a todos tratando de mudanças climáticas.

“Por último, só quero dizer isto: O Regresso trata da relação do homem com a natureza, uma natureza que todos sentimos em 2015 como o ano mais quente já registrado. Nossa produção precisou se deslocar ao ponto mais meridional deste planeta só para poder encontrar neve.

A mudança climática é real, está acontecendo agora mesmo. É a ameaça mais urgente que a nossa espécie precisa enfrentar. Precisamos trabalhar juntos e deixar de procrastinar. Precisamos apoiar os líderes de todo o mundo que não falam em nome das grandes corporações poluentes, mas sim de toda a humanidade, dos povos indígenas, de bilhões de pessoas desfavorecidas que serão as mais afetadas por tudo isto, das crianças e de tanta gente cujas vozes foram afogadas pela política da cobiça.

Obrigado a todos por este prêmio incrível desta noite. Não devemos encarar o planeta como algo garantido. Não encaro esta noite como algo garantido”.

Veja o discurso completo (texto)

Está disponível para download o livro “Aprendendo ciência e sobre sua natureza: abordagens históricas e filosóficas”, organizado por Cibelle Celestino Silva e Maria Elice Brzezinski Prestes, que contém uma seleção de trabalhos apresentados em dois eventos sobre uso de história e filosofia da ciência no ensino, ocorridos em Maresias, SP, em agosto de 2010: a 8ª Conferência Internacional sobre História da Ciência na Educação em Ciências (8th ICHSST), e a 1ª Conferência Latino-Americana do Grupo Internacional de História, Filosofia e Ensino de Ciências (1st IHPST‐LA).
http://tinyurl.com/ne5m8m8

10463059_724816027581731_847896554671984833_n


Mapeamos a Mata Atlântica via satélite e infelizmente observamos que retiraram muitas árvores da nossa floresta. Veja o levantamento completo do novo Atlas dos Remanescentes Florestais da Mata Atlântica: http://bit.ly/1pfeAlm.


Vi aqui

1544326_10152274484667708_741694146_n“Ninguém neste planeta ficará incólume aos impactos das mudanças climáticas”.

Notícias sobre o relatório:

G1 IPCC alerta que pobres serão os mais castigados por mudanças climáticas

BBC Impacto do aquecimento global será ‘grave e irreversível’, diz ONU

Portal Brasil Autores do novo relatório do IPCC apresentam documento à imprensa

UOL Principais pontos do quinto relatório do IPCC sobre mudanças climáticas

Onu Brasil Mudanças climáticas aumentam riscos globais de fome, inundações e conflitos, alerta IPCC

Agência FAPESP Quinto relatório do IPCC mostra intensificação das mudanças climáticas

Resumo: Existe uma estreita relação entre alfabetização ecológica, Educação Ambiental e visitas a áreas verdes. Desta forma, neste texto são apresentados alguns conceitos biológicos e outros referentes às unidades de conservação, buscando permitir uma reflexão sobre como as ações de Educação Ambiental podem ir além de um simples passear num parque, permitindo que sejam discutidas questões pertinentes à sustentabilidade.

Palavras-chave: Conservação da natureza; áreas verdes; trilhas interpretativas.

LAMIM-GUEDES, V. Conservação da biodiversidade em áreas protegidas: educação ambiental e serviços ecossistêmicos. Educação Ambiental em Ação, v. 47, 2014.

Texto Completo

Bookmark and Share

Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email

Junte-se a 3.596 outros seguidores

Categorias

E-mail

dirguedes@yahoo.com.br

Mensagens recentes no Twitter

Current CO2 level in the atmosphere

População Mundial

Já somos 7 bilhões! Clique na figura e veja a população atual.

%d blogueiros gostam disto: